A leitura dessas 3 dicas pode ajudar você nessa difícil jornada. A escolha do seu curso superior é algo delicado, até porque é uma escolha que tende a mudar a sua vida, e transformar a maturidade de como você enxerga o mundo.

Primeiramente é importante saber que Direito é uma Ciência Social essencial para o funcionamento da sociedade, já que, assim como afirma a expressão em latim “Ubi societas, ibi jus ”, onde está o homem, está o direito.

Essa ciência estuda basicamente as normas que são obrigatórias e que controlam as relações dos indivíduos, para assim gerar uma harmonia social. Estudando diferentes tipos de relações que englobam todos os aspectos sociais, como por exemplo: Direito do Trabalho, Consumidor, Civil, Penal, Constitucional etc.

PARA CURSAR DIREITO PRECISA GOSTAR DE LER:

É totalmente necessário. Já que, é um curso basicamente teórico e necessita de um estudo profundo, sempre lendo doutrinas, as leis e as jurisprudências. Dificilmente você irá passar e se dar bem nesse curso sem gostar de ler, uma vez que o principal instrumento que coopera na compreensão das matérias é a leitura e a sua interpretação. Para quem não tem o hábito da leitura, o recomendável é começar por literaturas do seu maior interesse. Seja em literaturas fantásticas como Harry Potter, romances como Crepúsculo ou histórias de amor infanto juvenis, a exemplo da A Culpa é das Estrelas. Depois de criar o apreço pela leitura, o consumo de tratados e livros base da ciência se tornam objetos mais acessíveis. Sem uma base de leitura dificilmente você se tornará um bom operador do direito.

PARA CURSAR DIREITO PRECISA SABER ESCREVER BEM:

Escreva bem. Em qualquer área jurídica é crucial uma boa escrita, porque independente do ramo que vá atuar, todos eles necessitam. Seja advogado, promotor, juiz ou defensor público, alguma hora da sua carreira será necessário escrever de acordo com a linguagem jurídica. Sendo essa linguagem puramente técnica, e que necessariamente precisa entendê-la para assim conseguir escrevê-la.

O operador do direito em regra é um profissional intelectual, e para expressar suas ideias a escrita é uma de suas principais ferramentas. Faça um blog, escreva com frequência na sua rede social favorita, peça ajuda a algum amigo para corrigir, procure o seu melhor modo para começar. Conhecer técnicas de escrita como a sua prática se apresentam como uma habilidade indispensável para quem almeja esse curso.

O DIREITO TE DÁ VÁRIAS OPORTUNIDADES DE CARREIRAS:

Pense na sua profissão desde cedo e se desenvolva ao longo do curso para alcança-la. O bacharel em Direito tem a oportunidade de atuar em várias áreas como: Oficial de Justiça (servidor do Tribunal, encarregado de dar cumprimento às ordens judiciais exaradas pelos juízes), Juiz (magistrado, é um cidadão investido de autoridade pública com o poder-dever para exercer a atividade jurisdicional, julgando os conflitos de interesse que são submetidas à sua apreciação), Advogado (é o profissional que defende os interesses de seus clientes com base nas leis vigentes no País), Defensor Público (Ele trabalha para quem não tem condições financeiras para contratar um advogado particular, defende os interesses pessoais da população mais necessitada), Promotor Público (atua, na área criminal, no combate à criminalidade e na fiscalização das penas e, na área cível, nos interesses da sociedade), Delegado (atua em delegacias, participando e encabeçando investigações e inquéritos criminais), Tabelião (um profissional do direito com fé pública para autenticar fatos e escrever qualquer tipo de contratos e documentos), Professor (prepara e ministra o material didático das aulas conforme orientação e conteúdo previamente distribuído), Consultor legislativo (fornece às diferentes áreas do Poder Legislativo assessoria em questões jurídicas relevantes), e entre outras.

Apesar das dicas, você não pode deixar se levar pela opinião dos outros, faça escolhas próprias, por identificação e principalmente por amor. É importante também consultar profissionais da área, seja através de amigos, familiares ou até mesmo contatos avulsos pela internet. Assista filmes da profissão, leia livros básicos sobre a atuação. Lembre-se, não adianta escolher um curso pensando apenas nos benefícios financeiras e reconhecimento social, mas pensar também se é isso que deseja fazer pelo resto da vida. Você será além de um sujeito ativo dos direitos, será o defensor destes. A sociedade precisa de você.

Comentários do Facebook