O projeto “Plenarinho”, de criação pela Câmara dos Deputados, é um portal voltado para o universo infantil e conta com ensinamentos sobre cidadania e democracia de forma simplificada, além de trazer jogos sobre direitos sociais e política, com ênfase no Poder Legislativo, com o objetivo de incentivar as crianças e adolescentes a conhecerem seus direitos e exercitarem sua cidadania.

Para facilitar a interação com as crianças, as informações são apresentadas por seis personagens: Zé Plenarinho, que mostra como funciona a Câmara; Legis, que apresenta os deputados; a coruja Edu, que apresenta noções de educação, saúde e cidadania; Cida e Adão, que apresentam os jogos do site; e Xereta, que traz sempre novidades para as crianças.

O Plenarinho também conta com os programas da “Câmara Mirim” e do “Eleitor Mirim”. A Câmara Mirim é uma ação educativa, na qual as crianças viram deputados por um dia, propondo e discutindo projetos de lei elaborados por elas mesmas. Essa ação acontece na Câmara dos Deputados, em Brasília, anualmente, sempre no mês de outubro. Crianças do 5° ao 9° ano do ensino fundamental podem participar enviando um projeto de lei de sua autoria. Os autores das três melhores propostas são convidados do Plenarinho para defende-las na Câmara.

Pedro Pitanga, 9 anos, que cursa a 3ª série numa escola pública de Brasília, arriscou uma ideia para um projeto de lei. “Eu não sei se vou fazer ela mesmo, mas a minha lei é para dar um salário por mês quem não tem dinheiro e não trabalha”. (Fonte: Câmara)

No Eleitor Mirim, a cada dois anos, professores e crianças podem participar de um processo eleitoral, com candidatos e partidos criados por eles mesmos. Vai desde a campanha até a votação final em urna virtual eletrônica, que se assemelha à dos adultos.

Para mais informações, o portal Plenarinho pode ser acessado no endereço www.plenarinho.gov.br.

Comentários do Facebook